Dicas para um dia-a-dia mais sustentável

Updated: Mar 7

Venha aprender dicas simples de como ser mais sustentável !



Atualmente, e como já não é novidade, devemos ter cada vez mais atenção e cuidado à forma como preservamos o nosso meio ambiente. Todos temos o dever de contribuir e já existem imensas ideias inovadoras, dicas indispensáveis para ser mais ecológico de um modo fácil, simples e acessível. Aqui vamos apresentar algumas das maneiras do nosso quotidiano que podem fazer a diferença.


Diariamente gastam-se litros de água em diversas formas. Quando tomamos banho, pela simples espera de água quente; em vez de deixar a água correr pelo cano abaixo, pode colocar um balde para a recolher e depois utilizar a mesma água para lavar o chão da sua casa, ou para regar as plantas, por exemplo. Da mesma forma que gastamos água a tomar banho, também a gastamos no consumo de papel higiénico, pois este é produzido a partir de milhares de litros de água; uma simples forma de a poupar é a utilização de um «bidé portátil». O «bidé portátil» consiste num recipiente que se enche com água e esguicha limpando as zonas íntimas por completo, depois pode-se retirar o excesso de água com uma toalha – que não vai ficar suja, pois o «bidé» é eficiente. É importante salientar também que a água que o «bidé portátil» gasta é incomparável com a quantidade de água gasta na produção de papel higiénico. Conseguem encontrar este utensílio na loja “Do Zero”.

"Diariamente gastam-se litros de água em diversas formas. Quando tomamos banho, pela simples espera de água quente"

Num outro contexto diário, vão parar aos nossos caixotes do lixo dezenas de garrafas de vidro que podem ser reutilizadas: em vez de as deitar logo fora, tente perceber se não podem tomar uma segunda via usando-as, por exemplo, para guardar sal, açúcar ou farinha. Ainda na cozinha, o óleo que deitamos pelo ralo polui de uma forma excessiva a água dos canos, em vez disso, guardar num recipiente e pô-lo num oleão pode ser a solução.




Relativamente à roupa, são desperdiçados litros de água quando as máquinas de lavar não estão completamente cheias. Para além disso, os amaciadores e detergentes são extremamente poluentes, não convém, por isso, abusar deles. Existem também, em alternativa, detergentes mais ecológicos criados por marcas sustentáveis. Para além destas soluções, a marca “The Gargoyles” vende umas “bolas de lavagem” ecológicas que substituem o detergente. Estas atuam através da alteração do pH da água para o pH de detergentes, de onde resultam em roupas limpas e um planeta menos poluído.

"os amaciadores e detergentes são extremamente poluentes, não convém, por isso, abusar deles"

Quando falamos de ecologia, muitas vezes fica esquecida a ideia de poupar energia. Por vezes, esquecemo-nos das luzes das várias divisões ligadas mesmo quando já não estamos lá. Isto leva-nos a um gasto enorme de energia! No entanto, no caso de serem luzes de baixo consumo ou fluorescentes, estar constantemente a desligá-las e a acendê-las consome bastante energia, por isso, não as desligue caso volte em 20 minutos. Além disto, dentro das nossas casas, usamos muito o aquecimento e o ar condicionado; no verão, tome em atenção e em vez de ligar o ar condicionado abra uma janela para entrar ar fresco; caso esteja um clima frio, pode tentar abrir as percianas para a luz solar entrar e se gerar calor dentro de casa.


Por último, falarei sobre compostagem. A compostagem é um método que se baseia na transformação de resíduos orgânicos em fertilizante, auxiliando, assim, a fechar o ciclo de cultivo de alimentos. Quando compostamos, estamos a contribuir para um comportamento que a Natureza toma por si só. O processo de compostagem é simples, passa pela junção de alguns agentes como: restos alimentares, resíduos secos, organismos vivos (minhocas, por exemplo), oxigénio e água. Para compostar basta escolher um local apropriado, juntar todos os agentes necessários, manter o composto húmido e utilizá-lo na sua terra.

Estas são algumas dicas que podem ajudar a manter o nosso planeta vivo, e de uma forma fácil.



Com pequenos passos conseguem-se grandes objetivos! Mais tarde, em artigos futuros, exploraremos mais profundamente alguns destes temas, que têm muito que se lhe diga!

Deixe-nos sugestões de dicas para falarmos nos comentários!


Artigo escrito por Margarida Rodrigues



44 views0 comments

Recent Posts

See All